Sem concurso INSS, DPU entra com ação pela demora no atendimento

Sem concurso INSS, DPU entra com ação pela demora no atendimento

A importância do concurso INSS voltou a ser destaque após a Defensoria Pública da União (DPU) entrar com nova ação civil pública junto à Justiça Federal contra o órgão. A justificativa da DPU é a demora do Instituto Nacional do Seguro Social em responder os segurados sobre o pedido de benefícios. Essa falha no atendimento tem relação direta com o déficit de servidores e, portanto, com a eventual abertura de novo concurso público para o INSS.

Hoje, a demanda de um segurado do INSS pode levar até seis meses para ser atendida devido à grande carência de servidores. Segundo a DPU, mais de 720 mil pessoas que pediram algum tipo de benefício ao INSS esperam decisão sobre a liberação ou não há mais de 45 dias.

Para amenizar parte dessa carência e ter avanços nos atendimentos, o INSS encaminhou ao Ministério do Planejamento um pedido de concurso para 7.888 vagas, sendo 3.984 para técnico (nível médio), 1.692 para analista (nível superior - áreas ainda serão informadas) e 2.212 para perito (nível superior em Medicina). As remunerações são de R$5.186,79, R$7.659,87 e R$12.683,79, respectivamente.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Anunciadas vagas para concurso de agente penitenciário em Santa Catarina

21 May 2019

Governador anuncia 600 vagas e edital sai nos próximos dias.

Ir para notícia

Previsões para divulgação do Edital do Concurso do Tribunal Regional Federal da 4ª Região

15 May 2019

Assessoria de comunicação do TRF 4 se manifesta sobre publicação do edital.

Ir para notícia

Concurso da prefeitura de Itaara

13 May 2019

Grécia Cursos já aprovou mais de 160 alunos em 2017.

Ir para notícia

Inscrições abertas para o ENEM 2019

07 May 2019

Cadastro pode ser realizado no site do Inep até dia 17 de maio.

Ir para notícia