Concurso MPU: locais de prova serão divulgados no dia 16

Concurso MPU: locais de prova serão divulgados no dia 16

A convocação para as provas objetivas e discursivas do concurso MPU foi publicada nesta segunda-feira, 8 de outubro. De acordo com o Cebraspe, organizador da seleção, os locais de aplicação estarão disponíveis a partir do dia 16, pelo site da banca.

A consulta será individual, mediante apresentação do número de CPF. As provas serão aplicadas no dia 21 de setembro, nas 26 capitais brasileiras e no Distrito Federal. Para os candidatos ao cargo de técnico de administração (nível médio), as provas objetivas terão início às 8h.

Já para analistas em Direito (nível superior na área), os exames objetivos e discursivos serão aplicados no turno da tarde, a partir das 15h. A organização do concurso para o Ministério Público da União recomenda que os concorrentes cheguem aos locais de prova com uma hora de antecedência.

O que levar no dia das provas? No dia 21, todos os candidatos deverão apresentar documento de identidade original, comprovante de inscrição e caneta esferográfica de tinta preta, fabricada em material transparente.

 O que não será permitido? O edital do concurso MPU proíbe que os inscritos, durante a realização dos exames, usem aparelhos eletrônicos, relógios, lápis, borracha, marca-texto, óculos escuros ou chapéus e gorros.

Atenção! O MPU permite que os candidatos levem alimentos para o decorrer da prova. No entanto, eles devem estar guardados em embalagens transparentes.

 

FONTE: FOLHA DIRIGIDA

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Quebrando a Banca - PF e PRF

24 Jun 2019

Quebrando a Banca. Curso baseado nas Polícias Federal e Rodoviária Federal.

Ir para notícia

SAIU EDITAL - Concurso Polícia Militar de Santa Catarina

24 Jun 2019

Concurso para Polícia Militar de Santa Catarina.

Ir para notícia

Presidente Jair Bolsonaro fala sobre PF e PRF. Veja:

22 Jun 2019

Presidente Bolsonaro fala sobre concursos da PF e PRF possivelmente ainda em 2019.

Ir para notícia

Tribunal Regional Federal - 4° Região

19 Jun 2019

TRF-4. Ainda dá tempo!

Ir para notícia